Curso de extensão Ensino da escrita: da alfabetização ao curso superior

ÚLTIMAS VAGAS – ATENÇÃO
Inscrição para Curso de Extensão
Ensino da escrita: da alfabetização ao curso superior
Objetivos: (1) Atualizar e ampliar conhecimentos sobre as teorias acadêmicas e as práticas docentes do ensino de escrita da alfabetização ao ensino superior; (2) Promover o diálogo entre os diferentes sujeitos que atuam com o ensino da escrita.
Público-alvo: Alfabetizadores; Professores de Língua Portuguesa da Educação Básica; Professores do Ensino Superior que atuem com os cursos de Letras e Pedagogia; Coordenadores de Área de Língua Portuguesa na Educação Básica; estudantes de Letras e de Pedagogia.
Vagas: 35 para profissionais formados e 5 para estudantes de graduação
Local: UFRJ – Campus da Praia Vermelha
Dia e horário: sextas-feiras, das 14 às 17 horas
Carga horária total: 24 horas
Inscrições: de 5 de março a 20 de abril
Programação:
Primeiro encontro – 4 de maio – Tema: Alfabetização
Segundo encontro – 11 de maio – Tema: Primeiro ciclo do Ensino Fundamental
Terceiro encontro – 18 de maio – Tema: Segundo ciclo do fundamental
Quarto encontro – 25 de maio – Tema: Ensino médio
Quinto encontro – 1 de junho – Tema: Alfabetização na Educação de Jovens e Adultos
sexto encontro – 15 de junho – Tema: Escrita acadêmica
Sétimo encontro – 22 de junho – Tema: Encerramento
Oitavo encontro – 6 de julho Tema: Devolutiva dos trabalhos
Equipe: Marcelo Macedo Corrêa e Castro (Coordenador); Adriana D`albrieux de Carvalho; Alba Belmira Pereira; Alessandra Fontes Carvalho da Rocha; Ana Paula de Abreu Costa de Moura; Isa Ferreira Martins; Luciene Cerdas; Natalia Pinagé Ribeiro; Rejane Maria de Almeida Amorim
Convite/desafio: Distantes uns dos outros, tanto em seus percursos de formação quanto em suas práticas diárias, professores de escrita – da alfabetização ao ensino superior – pouco sabem sobre o que ocorre antes e depois do estreito trecho da trajetória de aprendizagem dos seus estudantes no qual atuam como docentes. Estamos, portanto, diante do desafio de aproximar sujeitos, para que estes diminuam a distância entre seus saberes e práticas específicos, o que, por seu turno, poderá trazer mais organicidade e consistência ao ensino da escrita na escola.